ATUALIZAÇÕES
recent

Power Ranger Verde se torna evangelista

Power Ranger Verde se torna Evangelista.


Milhões de crianças do mundo todo cresceram assistindo a série de televisão Power Rangers. Até hoje o programa filmado na década de 1990 é reprisado com sucesso em várias emissoras e lançou uma nova versão pelo canal Nickelodeon.

Mais de 20 anos depois, os fãs ainda fazem filas para conhecer o seu super-herói favorito nas convenções e feiras temáticas de super-heróis. Jason David Frank é o ator mais conhecido da franquia tendo destaque como Tommy Oliver, o primeiro Ranger Verde.

Com o sucesso da franquia, ele que faria apenas 10 episódios da primeira temporada, participou das três primeiras como o Ranger Verde. Depois, voltou como o Ranger Branco (então líder da equipe). Fez ainda o longa Power Rangers: O Filme. Em 1996 e 1997, voltou nos filmes Power Rangers: Zeo e Power Rangers: Turbo, desta vez como o Ranger Vermelho, líder da equipe.

Ele continuou sua carreira como professor de artes marciais e lutador de MMA até que em 2004, Frank retomou o papel de Tommy Oliver (agora doutor em arqueologia) em Power Rangers: Dino Trovão, tornando-se, posteriormente, o Ranger Preto.

Ao todo foram 200 episódios da série, mais os filmes. Em 2014 o canal Nickelodeon lançou o Super Mega Force, onde Tommy aparece instruindo a nova geração de Rangers.



Mas fora das câmeras, o homem por trás da máscara tem se dedicado ao ministério evangelístico, falando sobre o único “super-herói” que ele conhece: Jesus Cristo.

Seu sucesso ele credita a Deus, que “definitivamente tinha um plano” e lhe permitiu isso. Jason Frank conta que se converteu em 2001, poucos meses depois da morte de seu irmão Erik Ray Frank, que também atuou em Power Rangers. Lembra que as pessoas começaram a convidá-lo para ir à igreja naquele momento difícil. Abrindo seu coração, aceitou a Jesus e desde então tenta conciliar sua carreira como ator com as oportunidades de pregar o evangelho.

Ele fez aparições em eventos de sua igreja, no Texas, apoiado pelo seu pastor, Keenan Smith. Juntos, criaram o Impact Team, um grupo de atletas profissionais que faz apresentações de vários esportes e compartilha do amor de Deus com a plateia.

Conta ainda que usa as redes sociais para falar sobre Jesus. “Eu me comunico com cerca de 5 milhões de pessoas toda semana através do Facebook e do Instagram. É uma bênção poder fazer isso”, comemora.

Outra maneira que Frank diz utilizar para levar a Palavra é através de uma linha de roupas e acessórios para artes marciais, chamada Jesus Didn´t Tap [Jesus não pediu pra sair], uma referência ao gesto do lutadores que, ao bater no chão, indicam que estão desistindo da luta. Para ele, trata-se de uma lembrança que mesmo diante do sofrimento e da cruz, Jesus não desistiu, morrendo por todos.

Falando sobre fé e esportes, Frank lembra do crescimento do número de igrejas evangélicas norte-americanas que possuem programas ministeriais ensinado MMA aos fiéis. Esse fenômeno teve destaque ainda maior com o lançamento do documentário “Igreja da Luta”, que mostrava pastores trocando socos no octógono. Com informações CBN

Fonte: GospelPrime

VIDEO EM DESTAQUE

Tecnologia do Blogger.